sexta-feira, 10 de julho de 2020

Reabertura de restaurantes e academias de ginástica começa no dia 20 em Pernambuco

Academia
Apesar da pressão dos empresários, restaurantes e academias seguirão fechados em Pernambuco. Ao menos por mais uma semana. A reabertura desses serviços, segundo anúncio do Governo do Estado nesta quinta-feira (9), vai acontecer a partir do próximo dia 20, começando pelos estabelecimentos localizados na Região Metropolitana do Recife e nas Zonas da Mata Norte e Sul. Mas, ao mesmo tempo em que anunciou essa data, os secretários informaram que é passível de mudança, a depender de alterações nos indicadores de Saúde relacionados aos números de novos casos, internações e óbitos em decorrência da Covid-19.

Por enquanto, os serviços de alimentação, que englobam restaurantes, cafés e lanchonetes, seguem com autorização para funcionar no sistema de delivery e como ponto de retirada. A reabertura para o público, no dia 20, deverá seguir uma série de protocolos sanitários, discutidos entre o Governo do Estado e os representantes do setor. Entre as determinações já anunciadas, está o limite no número de clientes (50% da capacidade das casas) e restrições de horário, devendo os estabelecimentos ficarem fechados das 20h às 6h.

"É uma atividade que traz um pouco mais de risco porque, para se alimentar, as pessoas têm que retirar a máscara e há uma interação maior. Estaremos com capacidade de 50% e uma série de critérios necessários para evitar que haja contaminação nesses estabelecimentos. É importante saber que atividades como essas precisam voltar a funcionar para dar oportunidade de emprego e renda, mas precisamos olhar para a saúde. Passamos por um pico alto, passamos por uma estabilização e descida. Na ultima semana, estabilizou essa descida, então tivemos que postergar.

É muito importante o comportamento dos pernambucanos para evitar cenas que vimos em outros estados; tem que respeitar o distanciamento e fazer uso de máscaras para que a gente evite dar passo atrás. É o que temos chamado de novo normal. A gente não pode voltar ao mesmo tipo de atitude que tínhamos antes sem que haja uma vacina”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Bruno Schwambach, em entrevista coletiva concedida nesta quinta, de forma remota. 

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, os bares ainda não têm previsão para reabrir, a não ser que os estabelecimentos optem por se adaptar ao modelo dos serviços de alimentação, respeitando as restrições de público e horário, bem como o distanciamento entre as mesas, sem opção para permanência em pé. 

Não foram adiantados, por ora, os protocolos para o retorno das academias de ginástica. Existia uma previsão para que os bares, restaurantes e academias retomassem as atividades já na próxima semana, dando início à Fase 6 do Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19 no Estado. Essa tendência ganhou mais força após os manifestos recentes dos profissionais desses setores solicitando permissão para volta. No entanto os números da semana epidemiológica 27, referente ao período entre o dia 28 de junho e 4 de julho, acenderam um alerta. 
Informações da Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário