terça-feira, 17 de setembro de 2019

Alerta máximo; Em quase 10 dias, três crianças morrem afogadas em cisternas no Agreste de PE

Resultado de imagem para alerta
Informações Rádio Jornal Notícias
Familiares da criança de criança de 1 ano e sete meses que morreu afogada em uma cisterna no bairro Santo Agostinho, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, no último sábado (14), se despediram de José Lucas Ferreira de Souza sob forte comoção nesta segunda-feira (16).

Em pouco mais de 10 dias, três crianças morreram afogadas em cisternas: duas em Caruaru e uma Santa Cruz do Capibaribe.
Em Caruaru, o caso aconteceu no bairro José Carlos de Oliveira e dois primos morreram afogados após caírem em uma cisterna: um menino de 1 ano e um mês e uma menina de 1 ano e sete meses.

Alerta do Corpo de Bombeiros 

De acordo com o tenente do Corpo de Bombeiros, Wélio César, é preciso ter mais cuidado com reservatórios de água, principalmente se a casa tiver criança. “Tem que ter o máximo de cuidado com as tampas. Tem que ser concreto armado, que se torna muito pesado para uma criança poder retirar, ou de ferro com um cadeado”, detalhou. “O acidente acontece quando falha a prevenção”, completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário