sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Servidores da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe encerram janeiro sem receber sequer dezembro

A situação é delicada para quem depende da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe para cumprir com atividades básicas do cotidiano financeiro. Com o orçamento ainda passando por problemas, a gestão não pagou a parte dos servidores que, passados dois meses sem receber, estão em situação ainda mais complicada.

Nos últimos dias, vários servidores que integram o quadro da prefeitura procuraram a nossa reportagem alegando que não sabem mais o que fazer para lidar com as contas que se acumulam sem previsão de serem pagas.
 "Não recebemos a quinzena de novembro e nem o décimo. Eu comentei numa publicação do prefeito solicitando que ele pagasse, visto que todas as minhas contas estão em atraso e nem dinheiro para comprar alimentos eu tenho. Minha mãe é quem está comprando comida para minha casa, pois tenho esposa e filhos. O prefeito apagou meu comentário", lamentou um jovem que alegou já ter tentado de todas as formas receber os valores que são seus por direito.
A nossa reportagem também conversou com duas mulheres que estão de licença maternidade e sem receber os auxílios. Em ambos os casos, as servidoras que atuam como cuidadoras em uma escola ainda temem serem demitidas após retornarem da licença.

No início do mês o Blog do Bruno Muniz procurou a assessoria de comunicação da prefeitura para saber sobre os prazos para pagamentos, porém a mesma não se pronunciou sobre o caso.

Informações Blog do Bruno Muniz

Nenhum comentário:

Postar um comentário